quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Há 5 meses um anjinho caiu na terra




Hoje minha anjinha completaria 5 meses. E por mais incrível que possa parecer estou bem e tranquila. Meu coração está em paz. Estamos recomeçando, mas sempre vamos lembrar que a 5 meses atrás um anjinho esteve  na terra e ensinou para o papai e para a mamãe o verdadeiro sentido da palavra AMOR! Acredito também que além do papai e da mamãe, muitas pessoas aprenderam um pouquinho com a vinda Cecília. A vida é curta e precisamos nos melhorar a cada dia, amar incondicionalmente, ser mais compreensivo, menos agressivo, mais caridoso e menos orgulhoso.
“Lembraremos sempre de um anjo que esteve ao nosso lado... um anjo alegre, feliz e livre!”
Cheguei no trabalho e abri um livro que dizia o seguinte:

Quando atravessamos períodos sombrios e difíceis, aguardamos com ansiedade o momento em que encontraremos alívio da pressão e da angústia, veremos a cura e ficaremos livres da tristeza e da dor. Pedimos a Deus continuamente que remova nosso desconforto. Mas, enquanto esperamos por essa mudança Deus quer que tenhamos certeza de sua presença. Podemos encontrar sua luz na noite mais escura. Não se preocupe, portanto, em ver ou entender o que o futuro lhe reserva. Ainda que você não consiga enxergar claramente o que há pela frente, Deus quer que você confie nele enquanto ele a conduz. E não se preocupe demais em entender perfeitamente o passado. Agora, você tem o Senhor. Ele é a luz. O resto é secundário.

“Senhor, faz-me crescer em teus caminhos e conduze-me à tua vontade. Fortalece-me de modo que eu não vacile nem duvide. Ajuda-me a confiar na luz de tua palavra mesmo nas noites mais escuras de minha alma.

Oro para que meu coração esteja aberto para teu ensino, reconheço tua mão em minha vida e absorva toda a tua instrução. Ajuda-me a confiar no teu tempo. Cria em mim uma fé inabalável para que, ao andar contigo eu não duvide de teus caminhos nem de teu amor. "

4 comentários:

  1. Ticiane De Medeiros11 de setembro de 2013 20:00

    Lindo demais essa homenagem Ni... Que Deus continue dando essa força pra vcs sempre... Saibam que podem contar com a gente sempre... Bjao... amo vcs... saudades

    ResponderExcluir
  2. Oi... também sou mãe de uma anjinha que nasceu no dia 23 de maio de 2014, mas com 23 dias de vida voltou para o céu. Ontem foi meu aniversário e senti muita saudade dela. Ela estaria com 3 meses e 12 dias. Eu creio que onde ela está, ela já fez, e ainda fará, muito mais por mim e por nossa família do que poderia fazer aqui na Terra. Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho certeza que sim... ainda hoje sinto que muitas vezes a Cecília esta me protegendo la do céu, me dando forças pra continuar e para não ter medo de amar intensamente novamente. Eles são nossos eternos anjos!!!Fica com Deus

      Excluir